25.8.11

(fo)re(ver), right?



O tempo passa tão lentamente ao meu olhar e acho que talvez seja isso que me faz sofrer mais. Ou o motivo seja eu ou até tu, eu com o meu defeito de perdoar e tu com o defeito de partir.
Como muita gente neste mundo sei milhares de coisas, já passei por muitas também mas nada me ajuda a perceber o que está mesmo à minha frente na volta por ser algo que eu não queira. Sim, disso tenho a certeza e acho que neste momento é a única que realmente sei.
Estou a ficar cansada que isto me roube o sono e quem me dera que fosse somente isso, eu aguentaria mas rouba-me tudo e destrói-me lentamente...Desculpa todos os meus defeitos, não é fácil mas acredita que tu tens o melhor papel nesta história, sempre tiveste.

7 comentários:

  1. Olá! Obrigada pelo teu comentário! :) É um bocadinho diferente mas vai dar à mesma coisa, quase! :) Fico feliz por teres voltado! Gostei muito do teu textinho e vou adicionar-te no tumblr! um beijinho!

    ResponderEliminar
  2. Olá! Pois, concordo plenamente contigo porque quando a inspiração foge, é um caos!

    ResponderEliminar